Hoje (17), pelo quinto dia seguido, não houve aula na Rede Municipal de Ensino de Ubatã. Os profissionais da educação deflagraram greve na última segunda-feira (13) em protesto contra o prefeito Edson Neves que há cerca de 5 meses se nega a receber os representantes da categoria.

Os profissionais prometem só retornar às aulas apenas quando o chefe do executivo atender as reivindicações da categoria. Como hoje (17) foi o último dia letivo do semestre, as aulas só voltarão, caso haja uma definição, no início do mês de julho.

Redação Ubatã Notícias