A Prefeitura de Ubatã devolveu, aos professores da Rede Municipal de Ensino, 20h que haviam sido retiradas no início do ano letivo. Diversos professores tinham 40h e tiveram metade de suas horas retiradas sob a alegação de não serem concursados para ocupar tal carga horária. Havia muitos educadores que tinham essa (40h) carga horária há mais de 20 anos.

Desde que as 20h foram retiradas, docentes e a própria Associação dos Professores Licenciados da Bahia – APLB – demonstravam insatisfação com o ocorrido. De acordo com o prefeito Edson Neves, o recebimento integral das 40h já será incluso no salário do mês de junho, que deve ser pago ainda esta semana.

Redação Ubatã Notícias