“Vai haver mais um pedido de vista”. Esta é a expectativa da maioria dos ubatenses quanto à sessão que será realizada hoje (14), a partir das 17h, no Tribunal Regional Eleitoral – TRE -, sessão esta que deve/deveria definir o retorno de Agilson Muniz ou a permanência de Edson Neves a frente do executivo municipal.

O atraso em julgar o processo de Ubatã tem aumentado ainda mais a instabilidade política na cidade. Já são mais de 14 meses, 400 dias, e nada de definição quanto à situação política do município. Vamos aguardar a decisão do TRE hoje.

Redação Ubatã Notícias