Feito refém por bandidos, motorista foi deixado em estrada rural do distrito de Travessão

O motorista de aplicativo Albert Pereira Santana, 30 anos, viveu momentos de tensão na noite desta segunda-feira (13), quando foi feito refém e assaltado. Dois assaltantes se passaram por clientes e embarcaram no carro de Albert na Avenida Itabuna, em Ilhéus, por volta das 22h40min, dizendo que iriam para Itabuna. Nas proximidades da rodoviária, anunciaram o assalto e ameaçaram o motorista com armas de fogo. Um dos bandidos assumiu a direção do carro. Rendido no banco de trás, Albert foi deixado em uma estrada rural de Travessão, distrito de Camamu. Depois, os assaltantes fizeram contato com a vítima e exigiram R$ 1.000,00 para devolver o veículo, um Fiat Palio branco. O motorista registrou o crime na 7ª Coorpin (Coordenadoria de Polícia do Interior). (Pimenta)